sábado, 17 de fevereiro de 2007

Tholos do Caladinho (Redondo)


Localização do tholos do Caladinho

Em meados da década de 90 do séc. XX, o tholos do Caladinho sofreu uma violação que lhe afectou cerca de metade da câmara. Desta acção resultou um crescente problema de conservação que conduziu a uma inclinação de dois dos seus ortóstatos.

Intervencionado em 2006 e 2007 por Leonor Rocha e Rui Mataloto, foi possível registar, em profundidade, a presença de realidades estratigráficas e artefactuais aparentemente "in situ" e em bom estado de conservação, quer na metade da câmara conservada, quer no corredor.

O espólio recolhido, até ao momento, concentrava-se sobretudo na câmara, ainda que o corredor tenha também proporcionado um importante número de vestígios, especialmente na área de transição para a câmara, onde se encontrava menos perturbado por ocupações posteriores



Vista geral do monumento no início da intervenção




Pormenor da área sondada na mamoa



Planta geral do momumento e da área sondada na mamoa


Conjunto cerâmico recolhido na câmara e corredor do tholos do Caladinho


Conjunto de artefactos líticos e metálico recolhidos na câmara do tholos do Caladinho